terça-feira, 24 de novembro de 2009

Trabalhando com outros profissionais...

Bem, é sabido (senão, saibam) que trabalhar com Dança do Ventre é algo meio solitário. Seja pela correria do dia-a-dia ou pela falta de um verbo na vida da gente: compartilhar.
Muitas professoras, quando chegam num patamar mais bacana de suas carreiras tendem a se fechar e não compartilham conhecimentos fora de sua escola.
Durante estes anos de trabalho, de verdade, me decepcionei com muita gente, mas segui em frente, esperando que ia chegar uma “Era de Aquarius” onde ia cair a ficha de todo mundo e tudo seria melhor – coisas de canceriana....
Bom, acho que esta “Era” ainda não chegou plenamente, mas já dá indícios de que, é possível sim, trabalharmos juntas.
Posso falar de minha experiência com o E-ventre, junto com a Déborah, que já dura 3 anos, uma eternidade em nosso meio. É muito bom trabalhar com pessoas como ela, batalhadoras, que realmente estão a fim de fazer diferente.
Aqui no Espaço Manatt, estou tendo o prazer de trabalhar com algumas pessoas fantásticas:
Layla Almaza: uma das poucas amizades de verdade que fiz nos 3 anos que estudei na Casa de Chá. É da turminha que tem mais de 10 anos de dança, um talento incrível, sabe tudo de anatomia, de execução e limpeza de movimentos. Demorou pra eu traze-la pra trabalhar aqui comigo. Seu talento lhe rendeu também as aulas no Estúdio da queridíssima Elis Pinheiro.
Hanna Hadarah: Gente, me deu um branco agora.... como eu conheci a Hanna??? Acho que foi através do E-ventre.... vou descobrir, mas me deu esse branco, pois sei que já nos conhecíamos antes... enfim... na verdade, quem chamou primeiro para trabalhar junta foi ela, pois sou professora de um dos módulos do curso de formação. Formada em Ballet Clássico, pessoa do bem, dança muuuuuito, sempre disposta a ajudar, um talento só!!!
Sahira Fatin e Isis Mahasim: mãe e filha... dois quadris que não são deste mundo... ah.... essas duas ainda não posso contar o que estão aprontando por aqui... já já vocês vão saber!!!!
Enfim... é muito bom trabalhar com outros profissionais que, claro, estão na energia do compartilhar... me sinto mais do que abençoada...
Com as parcerias, quem ganha com isso, somos todas nos: professoras, alunas e, claro, nosso mercado da Dança do Ventre, tão amplo e, muitas vezes, tão carente de qualidade e seriedade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Mulher de Fases